FANDOM


Artigo
Galeria


"O Deus onipotente desapareceu de repente? Zeus: por que ele sumiu? Por que ele deixou a terra para Atena? Qual o verdadeiro objetivo dele?"

Zeus ( ゼ ウ ス , Zeusu ) é uma das mais altas divindades. Zeus é o rei dos deuses do Olimpo e é o pai de Atena , Apolo , Artemis.

Origem do nome e Influências

Zeus é o filho de Cronos e Rhea, ele era o mais novo de seus descendentes. Na maior parte das tradições aparece casado com Hera, ainda que no oráculo de Dodona sua esposa foi Dione, com quem segundo a Ilíada foi pai de Afrodite. Ele é conhecido por suas inúmeras aventuras e amantes, fruto dos quais muitas divindades e heróis, incluindo Atena, Apolo e Ártemis, Hermes, Perséfone, Dionísio, Perseu, Héracles, Helena, Minos e as Musas. Com Hera é dito frequentemente que ele era o pai de Ares, Hebe e Hefesto.

Característica

Aparência

Até agora, Zeus foi apresentado apenas em performances durante as obras de Saint Seiya, então sua aparência é desconhecida.

Em Saint Seiya Episode G, você pode ver Zeus durante os eventos da Grande Guerra, embora seu rosto permaneça no escuro. Ele é mostrado como um jovem de delicada figura magra e cabelos longos e finos, formado por camadas e nascentes, insinuando que, como seu irmão Hades, é um deus com a aparência de um homem muito bonito. Esta imagem é mantida mesmo nas memórias de alguns Titãs, por exemplo, Iapetos.

ZeusPerfil

Ilustração de um jovem Zeus no spin-off Episódio G a ser mencionado

Personalidade

A personalidade de Zeus é desconhecida, embora seja atestado que ele acredita na justiça correta, embora sem uma referência na história ou pelo menos uma menção significativa a esse ponto seja impossível determinar o caráter do deus. No entanto, pode ser notado que ele é um deus muito cauteloso porque ele confiou a Terra a Athena antes de desaparecer, ele selou o Megas Drepanon, ele ordenou a construção de um autômato para proteger Creta e a Europa, e deu a advertência que impediu outros deuses se aproximarão de Chronos.

Histórico

Era Mitológica

Zeus , o Soberano dos Céus ( Tente ゼ ウ ス ; Tentei Zeusu;  Ο Θεός Ζευς ), Deus dos Céus e Relâmpago, é o Supremo Governante do Universo, o Sacro Imperador dos Céus e o Rei das Deidades Olimpianas. Ele nunca foi mostrado diretamente na tela em toda a franquia Saint Seiya , em vez de ser apenas aludido e referenciado por vários personagens e mostrado como uma silhueta em flashbacks.

Filho mais novo de Cronos e Reia, a existência de Zeus estava escondida de seu pai tirano, que havia aprisionado todos os seus antigos filhos e filhas na tentativa de evitar ser derrubado por eles, e cresceu em segredo sob os cuidados de Gaia , Mãe- Deusa da Terra, que lhe ensinou tudo o que sabia e alimentou-o com poder. Incontáveis ​​anos depois, Zeus, muito mais velho, mas ainda jovem, retornou à Terra, libertando seus irmãos e irmãs e, ao lado deles, enfrentando todos os Doze Titãs em uma Guerra de 10 Anos, a Titanomaquia.

Zeus pessoalmente esmagou seu pai Cronos em combate, e quando a guerra terminou, foi ele quem selou suas almas e todas as outras almas dos Titãs nas profundezas mais escuras do Tártaro . Depois, o jovem Zeus assumiu o trono de seu pai como Governador do Universo e dividiu seu reino recém-adquirido com seus dois irmãos mais velhos, Hades e Poseidon , que eram seus maiores aliados na batalha. Zeus permaneceu como Imperador dos Céus e da Terra, enquanto Hades e Poseidon se tornaram Imperadores do Submundo e dos Mares, respectivamente. Dentre eles, o poder de Zeus era enorme, tanto que era conhecido como o Todo Poderoso. A sua presença servia de rédeas para manter o equilíbrio entre céu, terra, mar e mundo dos mortos.

Incontáveis ​​Eons passaram desde então, cada Deus governando em seu Domínio. Com o passar do tempo, inúmeras novas Divindades vieram a ser, muitas delas sendo filhos do próprio Zeus, sendo elas: Apolo , Ártemis , Hermes, Hefesto, Ares, e por último, mas não menos importante, Atena , de longe sua filha favorita. Juntos, eles se juntaram a Zeus e seus irmãos e irmãs nos Céus, e ficaram conhecidos como deidades olímpicas. Mais tarde, eles desceram para a Terra, entrando em contato com o povo da Grécia Antiga, que cresceu para adorar e adorar os Olimpianos como seus deuses, em um momento agora lembrado como a Era Mitológica.

Muitos séculos se passaram, com inúmeras lendas de batalhas e dramas entre Deuses, Mortais e Semideuses ocorrendo. Foi nessa época que Gaia ficou furioso com os olimpianos e tentou acabar com toda a sua existência. Depois de se acasalar com o próprio Tártaro, a Deusa da Vida deu à luz um exército de Gigas , liderados pela Abominação Colossal que era Typhon , cujo poder era tão incompreensivelmente imenso que nenhum dos outros Olimpianos poderia suportar. Zeus foi deixado para enfrentar o Deus em combate, em uma batalha que abalou o universo, mas finalmente levou à vitória do Olimpiano, que depois selou a alma de Tífon no Monte Etna e o corpo de Gaia nas profundezas do Tártaro.

No entanto, o tempo de alegria e prosperidade não durou para sempre, como Zeus um dia mudou. Por razões desconhecidas, porém ocultas, o Deus do Raio não mais se importava, nem mostrava qualquer interesse pela humanidade nem pela Terra. Da mesma forma, ele não tinha interesse real em permanecer ao lado de seus irmãos e filhos. Resignando seu domínio sobre a Terra, ele concedeu o reino dos mortais à divindade em que mais confiava: sua jovem filha Atena. Então, Zeus subiu aos mais altos céus, para nunca mais ser visto novamente.

Menções

Saint Seiya

No volume 1 do mangá é dito que Atena brotou da cabeça de Zeus trajada em armadura completa. Saga de Gêmeos trama roubar o Báculo de Atena para que assim possa derrubar os deuses Zeus, Poseidon e Hades e roubar seus reinos, governando assim o mundo. Hypnos refere-se ao deus como o governante dos deuses olímpicos no volume 28 do mangá.

Episódio G

Zeus é mostrado como um homem cuja pele aparenta ser o espaço sideral durante a história de Cronos. Céos de Trovão Negro menciona que Zeus utiliza uma arma em forma de relâmpago, e Pontos diz que Aioria de Leão possui o poder de gerar o "relâmpago de Zeus", Keraunos. Seu hospedeiro é Aiolia.

The Lost Canvas

Zeus é mencionado por Pandora, que menciona que desde que Atena nasceu de Zeus, o poderoso deus dos deuses, tem sido uma maldita dor de cabeça.

Pandora diz que Zeus é o senhor supremo do universo e dos deuses em The Lost Canvas;

Rei dos Deuses é muito mencionado durante Gaiden Taurus, onde que se apaixonou com a Europa e formaram juntos família, mas como a divindade importante era não conseguia parar de Olympus para protegê-los por isso pediu Daedalus isso criará um autômato de bronze para o qual ele deu vida com seu sangue para que ele protegesse a Europa, seus filhos e Creta para sempre.

Filmes

Em A Lenda dos Defensores de Arena, Febo Abel comenta a Saori (Atena) que durante a era dos deuses, Zeus ressentido com a humanidade, manda o Dilúvio de Deucalião para puni-los. Em outro ponto da história, Dohko de Libra comenta que durante a era mitológica, Abel tinha poder que o nivelava a de seu pai, Zeus. Receoso das ambições do filho, Zeus une-se a Apolo e ambos destroem Abel, apagando-o da história.

Outras aparências

Kurumada Suikoden: herói dos heróis

Segundo o relato Athena (Saori) obteve uma deuses atlantes semelhantes ao poder que os deuses, até que ele foi atingido pela ira de Deus do céu, Zeus, que afundou o continente no meio do mar, em uma noite.

Habilidades

Zeus-0

O todo poderoso Zeus

Como deus supremo do Olimpo é uma poderosa entidade cósmica, Zeus e uma das entidades divinas mais poderosas da série. Dado a sua posição como regente divino supremo do universo, ele tem níveis extremos de poder muito superior à de qualquer um dos olimpianos, e demais divindades. Dentre eles, o poder de Zeus era enorme, tanto que era conhecido como o Todo Poderoso. A sua presença servia de rédeas para manter o equilíbrio entre céu, terra, mar e mundo dos mortos. Seu poder também excede o de qualquer um dos seus irmãos, já que ele e o governante deles. Antes de deixar a terra nas mãos da sua filha atena ninguém se atrevia a se opor a ele.

Curiosidades

Zeus (saintseiyaanime)

Ilustração de Zeus no anime.

  • Seus símbolos são o relâmpago, a águia, o touro e o carvalho.
  • Só temos uma ilustração de Zeus feita por Kurumada, na Enciclopédia de Saint Seiya, na capítulo sobre as Kamuis (imagem do charabox).
  • Zeus significa "tesouro resplandecente".
  • Apesar de ser o Rei dos Deuses, ele nunca aparece fisicamente na série. Kurumada pensara em apresentar a Zeus uma hipotética quarta saga em sua manga, mas como esta foi cancelada, esse projeto nunca foi concreto.
  • No Taizen aparece uma imagem de Zeus, embora esta aparência física seja uma imagem hipotética criada pelo computador pertencente à Fundação Graud.
  • Um erro comum entre os fãs é assumir que Zeus é Mitsumasa Kido, dada a sua relação com Saori Kido e o número de filhos de ambos. Esse boato foi negado.
  • Zeus é considerado o personagem mais misterioso de todos os Saint Seiya.
  • No capítulo 22 da Saga do Hades, Pandora sente que uma "grande vontade" começará a se mover por causa da sucessão de eventos; e é sobre alguém que transcende Atena e Hades. Não está claro se ele se refere a Chronos, porque ele foi dormir, ou talvez o próprio Zeus.
  • No capítulo 79 do episódio G: Assassin spinoff, Zeus revela que Aiolia é seu verdadeiro anfitrião, seu segundo corpo legítimo que nasceu apenas para servir como seu receptáculo, ao contrário de Shun que Hades escolheu erroneamente como host, Aiolia é o verdadeiro receptáculo de Zeus , assim como Alone é de Hades. Ele assume o controle de Leo Aiolia e enfrenta um ferido Sagitário Aiolos. Aiolia recupera brevemente o controle sobre seu corpo de uma maneira similar a como Andromeda Shun fez durante o Hades Arc - é durante esse tempo que ele ataca o peito e pede a Aiolos para matá-lo antes que Zeus possa recuperar o controle. As motivações exatas de Zeus para atacar Aiolos e possivelmente outros personagens ainda não estão claras.
  • A condição física, bem como o seu tamanho corporal e forma do rosto mostrado por Zeus no "flashbacks" do Titanomachy dá assumir uma estreita idade ou igual a que durante os eventos Aioria EP G (13-15 anos em que momento). No entanto, as memórias não são viáveis.
  • No spin-off Episódio G, não se sabe como ele poderia salvar-se de serem enviados para o Tártaro por Kronos quando ele nasceu, e sua mãe Rhea não prestar a sua ajuda a qualquer momento ao contrário do mito.
  • Uma provável especulação é o pensamento de que foi Gaia quem o resgatou por razões misteriosas.
  • Até agora, suas únicas relações confirmadas são com Mnemosyne durante todo o Titanomachy, e com a Europa na era do mito (de acordo com a tela perdida).
  • Até agora, sua única derrota confirmada é contra o Typhon, de acordo com o spin-off do Episode G.
  • Embora a personalidade de Zeus seja desconhecida, Cronos insinua que ele é de fato uma existência maligna com desejos sombrios de luta. Isso resultaria em uma forte contradição com sua figura, tanto no nível do mito (ele é o deus representativo da justiça e da ordem). Como essas palavras vêm de Cronos não pode ser confiável, dada a sua rivalidade com seu filho e sua paranóia presente em relação a ele.
  • Cor Tauri foi criado para proteger o amado de Zeus.
  • No spin-off The Lost Canvas, Celintha mencionado em tempos mitológicos, Daedalus, depois de criar um homem de bronze artificial ele implantou um touro coração irrigado pelo sangue de Zeus, o Ichor, que lhe deu a missão para proteger a Europa, o amado de Zeus e Creta.
  • O Hypermito apresenta Zeus como um humano que se tornou um deus, enquanto o mangá original e os spin-offs mostram que ele era um deus desde o nascimento.
  • É o único dos três grandes deuses (Zeus, Poseidon e Hades) que não tenha ido adiante com sua própria seta para qualquer pano transportadora Sagitário (Hades Sísifo, e Poseidon Seiya), mas, apesar disso Aiolos não você sua flecha foi devolvida ao contrário dos outros dois.
  • Como nos mitos, ao longo dos spin-offs da franquia, Zeus teve muitos amantes.
Divindades
Deuses Primordiais
(Episódio G)
Urano (o Céu) • Pontos (o Mar) • Érebo (a Escuridão) • Eros (o Amor) • Gaia (a Terra)
Deuses Olímpicos ZeusPoseidonHadesAtenaApoloÁrtemisAresHermesAfrodite
Clã dos Titãs
(Episódio G)
CronosHyperionCéosIapetoCréosOceanoRéiaTêmisMnemôsineTéiaTétisFebePrometeu
Clã dos Gigas
(Episódio G)
LyaxPhloxAnemosBronteSpateZugilosHoplismaDrakonThêr
Deuses dos Sonhos
(The Lost Canvas)
OneirosMorfeuFântasoÍceloFobetor
Panteão Egípcio
(Episódio G)
AnubisApófis
Panteão Celta
(The Lost Canvas)
LugBalorEthlinn
Panteão Asteca
(The Lost Canvas)
TezcatlipocaQuetzalcóatl
Panteão Romano MarteSaturnoDianaVulcanoBacoRômuloCupidoPlutão
Panteão Nordico OdinLoki
Outras Divindades TártaroCaosCronosKairosHypnosPallasThanatosDeimosFobosTifãoAbelNikéÉrisDeusEuríbiaPerséfoneApsu
Semideuses e portadores de Ikhor KardiaTenmaDohkoRadamanthysEdenShura (G) • Sigurd
Pseudodeuses AriaCavaleiro de OfiúcoFeiyanSagaBalder